domingo, 17 de agosto de 2014

Igreja no Rio de Janeiro reza pela paz no Iraque

As paróquias do Rio de Janeiro vão rezar pela paz no Iraque e no mundo, incluindo o Rio de Janeiro, neste domingo, 17, em que se celebra a Assunção de Maria. A orientação partiu do arcebispo do Rio, cardeal Orani João Tempesta, nesta sexta-feira, 15. 

Leia abaixo a nota de Dom Orani : 
Em meio a tantas preocupações que marcam nossa vida, venho solicitar sua pastoral colaboração no sentido de juntos rezarmos pela aguda situação que os cristãos estão vivendo no Iraque. Como sabemos, trata-se de perseguição explicita em razão da fé que professam e, quando um irmão sofre, todos sofrem (cf 1 Cor 12,26).
Tenho consciência de que esta não é a única angustia a bater em nossas portas. Como pastores, sentimo-nos profundamente atingidos pelo sofrimento de qualquer membro do rebanho, esteja onde estiver. Não se trata, portanto, de escolher uma ou outra situação, ainda mais esta, onde somos muito diretamente afetados. Ao contrário, ao nos sentirmos atingidos pela perseguição "In odium fidei", preocupamo-nos igualmente por todas as situações em que a paz é destruída, os filhos e filhas de Deus não encontram alimento, moradia, segurança e tudo mais que é minimamente indispensável para uma vida digna. Onde houver um irmão sofrendo, é Cristo que esta sofrendo nele(cf Mt 25, 40).
Unido ao Santo Padre, em sua paternal solicitude, venho solicitar o empenho de todos os sacerdotes, diáconos e batizados para que, no próximo domingo, em que celebramos a Assunção de Maria, se reze pela paz naquela região do Iraque, mas também em todas as demais, inclusive em nosso querido Rio de Janeiro. Em anexo, encontram-se algumas sugestões, que a sua criatividade pastoral saberá aproveitar.
Uma certeza deve nortear nossas atitudes agora e sempre: todas essas angustias ofendem gravemente a Deus e a humanidade. Assim nos lembrou o Papa Francisco, no Angelus do ultimo domingo. Tenhamos, portanto, no coração suas palavras: “Não se pratica o ódio em nome de Deus! Não se faz guerra em nome de Deus!” Em nome do Deus Amor, praticam-se o amor, a solidariedade e a oração.

Rezemos, pois, em todas as igrejas e residências. Rezemos pelos irmãos do Iraque e por todas as demais angustias que vêm sobre a humanidade. Rezemos uns pelos outros e unamo-nos cada vez mais na busca das soluções que estiverem ao nosso alcance.

Sugestões para oração em 16 e 17 de agosto
Oração dos fiéis (No mesmo estilo literário das que constam da folha litúrgica A Missa)
 Pai Santo, ouvi a prece que fazemos por nossos irmãos e irmãs perseguidos, violentados e mortos por crerem em vós e por amarem vosso Filho Jesus. Que, pela intercessão da bem aventurada virgem Maria, reinem a paz, a concórdia, o respeito, a liberdade religiosa e o bom senso.
Antes das conclusões, faz-se um momento de silêncio. Todos se ajoelham.
Antes da bênção final
O presidente da celebração, com estas ou outras palavras semelhantes, convida a assembléia a rezar:
P.  Irmãos e irmãs, o Santo Padre Francisco convocou toda a Igreja a rezar pelos que estão sendo perseguidos em razão de sua Fé. Conscientes de o sofrimento deles é também o nosso sofrimento, elevemos nossas preces, alargando-as para todas as demais situações em que a paz é destruída.
Todos rezam em silêncio por alguns instantes. Em seguida, seja por um único leitor, seja por repetição, reza-se:
Cristo, Redentor da humanidade, contigo, somos um povo de paz,contigo, buscamos a paz,a fraternidade e a reconciliação.
Tu, que ouves os gritos dos que sofrem, dos que são violentados e perseguidos, ajuda-nos a construir um mundo onde o respeito e a liberdade religiosa se fortaleçam, onde a fome, a guerra e todas as formas de ódio sejam superadas.
Não deixes que nossos corações se tornem indiferentes às lágrimas que brotam dos que enfrentam a morte, a expulsão e outras formas de violência em razão da fé que professam.
Maria, Senhora da Glória, Maria Senhora do Céu, Mãe de todos os povos, intercede a Deus por nós a fim de que sempre reconheçamos que, em cada pessoa que sofre, é teu Amado Filho, que ali está sofrendo.
Amém.
Antes das conclusões, faz-se um momento de silêncio. Todos se ajoelham.
Em seguida, se oportuno, canta-se a Oração de S. Francisco ou algum outro canto que evoque paz e solidariedade.

Fonte: http://arqrio.org/noticias/detalhes/2379/igreja-no-rio-reza-pela-paz-no-iraque

Agenda da Semana - 18/08/14 à 24/08/14


46 Anos de Fundação. Venha celebrar conosco!!!


domingo, 29 de junho de 2014

Atenção!!! Casais do ECC

Aos Casais do ECC da Paróquia Jesus Ressuscitado

Venham participar neste Domingo (29/06/14) da Missa às 19:00 horas, para acolher a Cruz Peregrina em preparação ao XVI Congresso da Região Leste, a ser realizado em Colatina - ES.



Pedimos que vocês divulguem a outros casais, para que venham participar.

Após a Missa, haverá uma colocação pelo casal diocesano - Sebastião e Maria José - no que diz respeito ao ECC de nossa paróquia.

Pe. José Rosa Afonso